mobilitec

ergometrica

Ortopedia Moderna

Lismedica

Mais que Cuidar
Stannah Mobilidade S.A

Autopedico

Invacare

Pros Avos

Ortopediareal
sembarreiras

Tecnomobile

TotalMobility

Multihortos

Drive Mobility

Autor Tópico: [Angola] Campeonato Nacional de Basquetebol em cadeira de rodas da I Divisão.  (Lida 4577 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Online Fisgas

Cabinda entra a campeão no nacional de basquetebol



Luanda- O misto de Cabinda venceu nesta sexta-feira a similar da província de Benguela, por 42-10, no jogo de cartaz da primeira jornada (divisão A) do campeonato nacional de basquetebol em cadeira de rodas, que decorre no pavilhão anexo número 2 da Cidadela.
 
O campeão em título não teve dificuldades para se impor diante de uma formação teoricamente menos dotada, um facto que ficou provado pelos 32 pontos de diferença no resultado final.
 
A maior goleada da ronda foi obtida pelo vice-campeão, o Complexo da Cidadela Desportiva, que venceu o misto do Huambo, por 55-26, um diferencial de 29 pontos.
 
O Centro Ilavaco (Huíla) derrotou o misto do Moxico, por 46-26.
 
Para a divisão B, partidas que decorrem no campo comunitário do 1º de Maio, o misto da província do Uíge perdeu diante do misto da Lunda Sul, por 7-16. O Centro Profissional de Viana derrotou o misto de Malanje, por 37-14. O misto de Luanda venceu o misto do Bié, por 22-14.
 
Sábado, para a segunda jornada (divisão A) defrontam-se: misto do Huambo/misto de Cabinda, misto de Benguela/misto do Moxico e Complexo da Cidadela/Centro Ilavaco da Huíla.
 
A divisão B reserva os seguintes encontros: misto de Luanda/misto do Uíge, misto do Bié/misto do Huambo, misto de Malanje/misto da Lunda Sul.


Angop
« Última modificação: 06/07/2011, 18:40 por Fisgas »
 

Online Fisgas

Campeonato Nacional está muito equilibrado

 
A equipa do Complexo da Cidadela consolidou ontem a posição de guia da tabela classificativa da VII edição do Campeonato Nacional de basquetebol em cadeira de rodas da I Divisão, ao vencer o Centro Elavoko, da província Huíla, por 67-22, no pavilhão anexo I da Cidadela, em Luanda, para a segunda jornada da prova.
Com este resultado, o conjunto da Cidadela lidera a tabela classificativa, com quatro pontos, enquanto a formação da Huíla se encontra no terceiro posto, com três.
Noutros jogos, o Misto de Cabinda A derrotou o similar do Huambo, por 50-22, ao passo que o Misto de Benguela ganhou ao Bravos do Maquis (35-22).
Com esta vitória, o misto de Cabinda ocupa o segundo lugar da classificação, com quatro pontos, enquanto as congéneres de Benguela e Bravos do Maquis se encontram nas posições imediatas, com três e dois pontos, respectivamente. O misto do Huambo ocupa o último lugar da tabela, com dois pontos.
Para esta manhã está agendada a terceira jornada da prova, que compreende o seguinte cartaz: Bravos do Maquis-Complexo da Cidadela, Misto do Huambo-Misto de Cabinda A e Centro Elavoko-Misto de Benguela.Na I Divisão jogam as seis melhores equipas classificadas da última edição do campeonato, disputada em 2010, na cidade de Benguela.
No campeonato da II Divisão, o Misto de Luanda venceu facilmente a similar do Uíge, por 30-5, no campo polivalente da avenida Deolinda Rodrigues, para a segunda jornada da competição.
O Misto do Bié derrotou a congénere do Huambo B, por 28-5, enquanto a selecção de Malange ganhou a similar da Lunda-Sul (21-5).O Misto de Luanda ocupa o primeiro lugar da tabela classificativa, com quatro pontos, seguido pela similar de Malange, com três. Os mistos do Bié e Uíge encontram-se na “cauda”, com dois.
A terceira jornada, que se disputa esta manhã, a partir das 9h00, fornece o seguinte emparceiramento: Misto do Bié-Centro Profissional de Reabilitação Física de Viana, Misto do Uíge-Misto de Malange e Misto da Lunda-Sul-Misto do Huambo. Na II Divisão, os dois primeiros colocados ascendem ao escalão principal na próxima época desportiva.   
As equipas das duas divisões disputam a prova no sistema de todos contra todos a uma volta. Depois, os quatro primeiros da I Divisão jogam no sistema cruzado, para se apurar o finalista, enquanto o sétimo e oitavo classificados descem para o escalão inferior.


Jornal de Angola
 

Online Fisgas

Sétimo nacional de basquetebol em cadeiras de rodas na Cidadela



 
A primeira volta do campeonato nacional de basquetebol em cadeiras de rodas encerra Terça – feira, 05/07, com os mistos de Cabinda e de Luanda, a comandarem a divisão A, reportou a R5.


Na última jornada da primeira volta o Centro Elavoko da Huíla venceu o misto de Benguela por 36 – 23, enquanto que o Misto do Huambo venceu o Misto do Moxico por 51 – 10.

O Grupo B está a ser disputado no recinto do INEF.

De notar que, o sétimo campeonato nacional de basquetebol em cadeiras de roda, decorre no pavilhão anexo nº 2 da Cidadela Desportiva, numa promoção do Comité Olímpico Angolano.

Participam da prova as Províncias de Luanda, Cabinda, Huambo, K. Sul, Benguela, L. Sul, Moxico, Huíla, Uíge, e Malange. O campeonato decorre de 01 a 10 de Julho.


http://www.rna.ao/radio5/
 

Online Fisgas

Misto de Cabinda vence Complexo da Cidadela

 
Competição de basquetebol em cadeiras de rodas segue animada na cidade capital


O misto de Cabinda A venceu, ontem, no Anexo II, o Complexo Desportivo da Cidadela, por 48-41, para a quinta jornada do Campeonato Nacional de Basquetebol em cadeira de rodas da I Divisão.
Com esta vitória, o conjunto de Cabinda comanda a tabela classificativa, com dez pontos, enquanto o adversário ocupa o segundo lugar, com nove.  O Bravos do Maquis encontra-se na “cauda”, com cinco pontos. As duas últimas classificadas desta divisão descem de escalão.
Para a mesma ronda, no mesmo recinto, o Centro Elavoko da Huíla ganhou ao misto de Benguela, por 36-23, e o Bravos do Maquis perdeu com o misto do Huambo A, por 10-51.
Esta manhã, no Anexo II da Cidadela, a equipa do Maquis joga com o Centro Elavoko, ao passo que o misto do Huambo A defronta o conjunto do Complexo da Cidadela.
No último jogo da jornada, o misto de Benguela defronta a similar de Cabinda A.     
O Centro Profissional de Reabilitação Física de Viana e o misto de Luanda disputam, hoje, às 13h30, no campo polivalente do GPL, o jogo de destaque da 6ª jornada da II Divisão.
As duas equipas da capital partilham o primeiro lugar da tabela classificativa, cada uma delas com oito pontos.  Para a mesma jornada, no mesmo recinto, o misto de Malange defronta, às 10h00, a congénere do Huambo B, e a equipa do Uíge mede forças, às 11h40, com o conjunto do Bié.



Ontem, para a 5ª ronda, disputada no recinto polivalente do GPL, o Centro Profissional de Viana cilindrou o misto do Uíge, por 42-2, e o misto de Luanda venceu a similar do Huambo B, por 22-15.

http://jornaldeangola.sapo

 

Online Fisgas

Resultados da jornada de hoje:

Série A
Misto de Cabinda - Complexo da Cidadela (48-41)
Misto do Moxico–Misto do Huambo (A) (11-51)
Centro Ilevoco da Huíla – Misto de Benguela (29-22)
 
Para a divisão B
 
Misto do Bié–Misto da Lunda Sul (26-6)
Misto do Uíge–Centro profissional de Viana (2-42)
Misto do Huambo (B)-Misto de Luanda. (15-22)
Misto de Malanje folgou por força de calendário.
 
Próxima jornada sexta:
 
Divisão A
Misto do Moxico - Centro Ilovoco
Misto do Huambo (A) - Complexo da Cidadela
Misto de Benguela - Misto de Cabinda
 
Divisão B
Misto de Malange - Misto Huambo (B)
Misto Uige - Misto Bié
Centro profisional de Viana - Misto de Luanda
 Misto da Lunda Sul vai folgar
 
Classificação
 
Série A
Posição   Equipas          Pontos
1º          Misto de Cabinda 10
2º Complexo da Cidadela 09
3º Centro Ilavoco da Huíla 08
4º Misto do Huambo (A) 07
5º Misto de Benguela 06
6º Misto do Moxico 05
 
Série B
1º Centro profissional de reabilitação física de Viana 08
2º Misto de Luanda 08
3ºMisto de Malanje 06
4ºMisto do Bié 06
5º Misto da Lunda Sul 06
6º Misto do Huambo (B) 05
7º Misto do Uíge 05


Angop
 

Online Fisgas

Campeonato nacional regista duelos renhidos


Despique pelo pódio continua animado
Fotografia: Jornal de Angola


O Centro Elavoko da Huíla venceu, ontem, o Bravos do Maquis, por 26-20, no pavilhão anexo II do Complexo da Cidadela, em partida da 6ª jornada do Campeonato Nacional masculino de basquetebol em cadeiras de rodas da I Divisão.
No mesmo recinto e ronda, a equipa do Complexo da Cidadela derrotou o Misto do Huambo, por 55-28, e o Misto A de Cabinda cilindrou o Misto de Benguela, por 18-36.
O Centro Elavoko e o Complexo da Cidadela jogam, hoje, às 13h30, o desafio de destaque da 7ª jornada da prova. Para a mesma ronda, o Misto de Cabinda defronta, às 10h00, a Misto B do Huambo B, e hora e meia mais tarde, o FC Bravos do Maquis enfrenta o Misto de Benguela.
 O Misto A de Cabinda ocupa o primeiro lugar, com 12 pontos, e o FC Bravos do Maquis encontra-se na última posição, com seis.
Para a II Divisão, o Centro Profissional de Reabilitação Física de Viana cilindrou, no campo polivalente do governo provincial de Luanda, o Misto de Luanda, por 27-6, em partida da 6ª jornada do Campeonato Nacional.
Com esta vitória, o Centro de Viana consolidou a liderança, com dez pontos, seguido pelo Misto de Luanda, com nove.
Para a mesma jornada, o Misto de Malange venceu o do Huambo B, por 18-12, enquanto o Misto do Bié ganhou ao congénere do Uíge (23-5), que é o “lanterna vermelha” da II Divisão. A 7ª e última jornada da primeira fase da prova disputa-se hoje, de manhã, no recinto do governo provincial, com o seguinte cartaz: Misto do Huambo B-Centro Profissional, Misto de Luanda-Misto da Lunda-Sul e Misto do Bié-Misto de Malange.


Alcino Panzo, do Centro Profissional, com 79 pontos, lidera a lista dos melhores cestinhas da II Divisão.
Os técnicos, árbitros, juízes e cronometristas de basquetebol em cadeiras de rodas frequentam, desde ontem, no pavilhão anexo II da Cidadela, uma acção formativa com o prelector sul-africano Vivian Sierra. Vivian Sierra chegou, na  segunda-feira a Luanda, onde apitou o jogo entre o Misto de Cabinda e o Complexo da Cidadela (48-41).  Na acção formativa participam 38 elementos, entre os quais duas senhoras.



http://jornaldeangola.sapo.ao/16/32/campeonato_nacional_regista_duelos_renhidos
 

Online Fisgas

Cidadela relança campanha


 
Basquetebol em cadeiras de roda promove despique entre equipas de Luanda e Cabinda
Fotografia: Jornal de Angola


A equipa do Complexo Desportivo da Cidadela (CDC) cilindrou ontem o Centro Elavoko da Huíla, por 55-24, no pavilhão anexo II da capital, em partida referente à 7ª jornada do Campeonato Nacional de Basquetebol masculino em cadeiras de rodas da I Divisão.
Com esta vitória, o conjunto do CDC, no segundo lugar com 13 pontos, encostou-se ao misto de Cabinda A na liderança, com 14.
No mesmo recinto e ronda, o misto do Huambo perdeu ontem com a similar de Cabinda A, por 66-10, ao passo que o Bravos do Maquis foi derrotado já na ponta final do encontro pelo misto de Benguela (15-16) devido a quebra física. 
A 8ª jornada da prova, que se disputa hoje a partir das 10h00, no anexo II da Cidadela, fornece o seguinte cartaz: Centro Elavoko-Misto do Huambo A, Bravos do Maquis-Misto de Cabinda A e Misto de Benguela-Complexo da Cidadela.
A final da I Divisão está aprazada para domingo, às 10h30, no Anexo II da Cidadela. Alberto Gaspar, do misto de Cabinda A, comanda a lista dos melhores cestinhas com 111 pontos convertidos, seguido pelo seu companheiro de equipa, Manuel Jamba, com 105. 
O Centro Profissional de Reabilitação Física de Viana (CPRFV) ganhou com facilidade ontem o misto do Huambo, por 36-12, no campo polivalente do governo provincial de Luanda (GPL), em partida referente à 7ª e última jornada da primeira fase do nacional da II Divisão.
Com esta vitória, a equipa do CPRFV joga hoje, às 10h00, no recinto polivalente do GPL, com o misto do Bié, em desafio da segunda fase do campeonato de basquetebol. Para a mesma ronda e sala, o misto de Luanda, também sem dificuldades vergou a equipa da Lunda-Sul, por 27-8 e o representante do Bié derrotou o conjunto de Malange (34-6).


Esta manhã, a formação de Malange mede forças com o misto de Luanda no campo do GPL.
Alcino Panzo, do CPRFV, com 112 pontos convertidos é o melhor cestinha da divisão secundária.
A final da II Divisão disputa-se no domingo, às 9h30, no pavilhão anexo II da Cidadela, com a ascensão das duas equipas para o primeiro escalão.

Jornal de angola
« Última modificação: 08/07/2011, 18:41 por Fisgas »
 

Online Fisgas

Cabinda e Cidadela seguem imbatíveis


O Misto de Cabinda A mantém-se imbatível na VII edição do Campeonato Nacional de Basquetebol da I Divisão, em cadeiras de rodas, que decorre em Luanda, tendo derrotado, ontem, o Bravos do Maquis, por 60-11.
A partida, referente à 8ª jornada, foi disputada no pavilhão anexo II da Cidadela. Com esta vitória, a equipa de Cabinda mantém-se na primeira posição, com 16 pontos, enquanto o adversário está no último lugar, com oito.
Para a mesma ronda, o Centro Elavoko da Huíla venceu o misto do Huambo A, por 38-26, ao passo que o conjunto de Benguela, impotente nos argumentos tácticos e técnicos, perdeu com a formação do Complexo Desportivo da Cidadela, por 18-48.
Com este resultado, a equipa da Cidadela mantém-se na segunda posição, com 15 pontos, ao passo o mistro do Huambo A, está no penúltimo posto, com dez.
Hoje a partir das 10h00, no anexo da Cidadela, a equipa da Cidadela defronta o Bravos do Maquis e o misto de Benguela joga, às 11h00, com a similar do Huambo, para a 9ª jornada.
Na partida de destaque da mesma jornada, às 13h00, o Centro Elavoko defronta o misto de Cabinda A, no anexo da Cidadela. 
O Centro Profissional e de Reabilitação de Viana (CPRV) e o misto de Luanda disputam hoje, às 10h15, no campo polivalente do governo provincial, na avenida Deolinda Rodrigues, a partida da final do Campeonato Nacional de basquetebol em cadeiras de rodas da II Divisão.
Com a disputa desta final, as duas equipas encontram-se já apuradas para participarem na VIII edição do Campeonato Nacional da I Divisão, em 2012, na cidade de Ndalatando, província do Kwanza-Norte.
Na partida da primeira fase e referente à 6ª jornada, a equipa do CPRV, também imbatível na prova, venceu o misto da capital, por 27-6, no mesmo recinto.
O misto de Malange e a similar do Bié disputam, hoje, às 9h00, no campo polivalente do governo provincial de Luanda, o desafio para a definição do 3º lugar da II Divisão de basquetebol.
Ontem, para a primeira jornada da segunda fase, o conjunto de Malange perdeu com o misto de Luanda, por 16-22, no recinto do governo provincial e o conjunto do Bié foi derrotado pela formação do CPRV, por 29-22.


Jornal de angola
 

Online Fisgas

O misto de Cabinda A e o Complexo Desportivo da Cidadela (CDC) disputam hoje, às 10h30, em Luanda, no pavilhão anexo II, a final da VII edição do Campeonato Nacional de basquetebol da I Divisão em cadeiras de rodas.


Na 5ª jornada, o conjunto de Cabinda derrotou, com dificuldades, a formação do CDC, por 48-41, no anexo II do pavilhão da Cidadela.
A formação de Cabinda lidera a tabela classificativa, com 16 pontos, enquanto a equipa do CDC está na segunda posição, com 15.
Ontem, para 9ª jornada do campeonato, o conjunto do CDC venceu, facilmente, o Bravos do Maquis, por 59-17, no anexo da Cidadela.Para a mesma ronda, no mesmo recinto, o misto do Huambo A ganhou à similar de Benguela, por 35-30, e o Centro Elavoko da Huíla, incapaz de travar o misto de Cabinda, perdeu, por 30-35, no anexo da Cidadela.Noutro desafio da jornada, o Bravos do Maquis sentiu imensas dificuldades para derrotar o misto do Huambo A, por 20-16,também no anexo da Cidadela.
Manuel Jamba, do misto de Cabinda, comanda a lista dos melhores cestinhas, com 128 pontos, seguido pelo companheiro de equipa Alberto Gaspar, com 125, e Cananito Alexandre, do Complexo da Cidadela, com 103.
Na prova da II Divisão, o Centro Profissional de Reabilitação Física de Viana (CPRFV) derrotou o misto de Luanda, por 34-9, no campo polivalente do governo provincial de Luanda. As formações do CPRFV e o misto de Luanda disputam, na próxima época, a I Divisão.Para a mesma ronda, também do recinto do governo provincial, o conjunto de Malange perdeu com o misto do Bié, por 8-34.
Alcino Panzo, do CPRFV, foi o melhor cestinha da II Divisão, com 151 pontos, seguido de Borge Quipungo, do misto de Malange, com 75.

http://jornaldeangola.sapo
 

Online Fisgas

Misto de Cabinda revalida título do nacional em cadeiras de rodas



Luanda - O Misto de Cabinda revalidou hoje (domingo), em Luanda, o titulo do campeonato nacional de basquetebol em cadeiras de rodas, após vitória, no prolongamento, diante do Complexo Desportivo da Cidadela por 60-54, na final disputada no pavilhão anexo.

A vitória da equipa de Cabinda deve-se à  vantagem de um ponto que trazia do último desafio da primeira volta diante do grêmio luandense (48-41), triunfo superior à derrota averbada hoje por 54-60.


Durante o tempo regulamentar, as equipas saíram empatadas por 40-40, dado o equilíbrio que a partida registava, a formação de Cabinda precisou de três prolongamentos para bater o seu rival, igualando-se no primeiro por 44-44, no segundo 52-52 e perdeu no terceiro por 54-60.

 As duas agremiações pareciam muito persistentes na circulação da bola, sendo que ambas encontravam inúmeras dificuldades para levar de vencido o jogo.

É o segundo trófeu conquistado consectivamente pela província de Cabinda, o primeiro foi em 2010.
O próximo nacional será realizado na província do Kwanza Norte.

ANGOP
 

Online Fisgas

Treinador lamenta falta de apoios


Raul Adriano, técnico do Misto A de Cabinda, reclamou ontem, no final da partida de basquetebol em cadeira de rodas, a falta de apoio da direcção do Ministério da Juventude e Desportos da província.
“A nossa preparação foi óptima, mas faltaram alguns incentivos para toda a equipa. Viemos defender o título sem motivação por falta de apoios. Os atletas são portadores de deficiência e precisam de maior e mais atenção das autoridades competentes”, desabafou o técnico.
Raul Adriano garantiu que o núcleo entregou à direcção provincial da Juventude e Desportos de Cabinda os documentos três meses antes da realização da competição, para a premiação dos atletas.
“O núcleo contraiu uma dívida para a compra dos bilhetes de passagem para participar no campeonato”, fez saber Raul Adriano ao Jornal de Angola. Questionado sobre a partida, o melhor treinador do campeonato considerou que a vitória foi difícil.
“Não foi fácil ser campeão nacional, porque os adversários também bateram-se bem durante o jogo. Trabalhámos imenso para vencer esta competição. Foi um jogo bastante renhido e difícil”, disse.
Moniz Marques, treinador do Complexo Desportivo da Cidadela (CDC), mostrou-se satisfeito com a postura dos seus pupilos.“O comportamento do grupo foi normal, porque tivemos um período curto de preparação.
Sabíamos que iríamos enfrentar estas dificuldades no desafio. Mas, o importante foi o desporto adaptado que venceu”, destacou o técnico.


http://jornaldeangola.sapo
 

Online Fisgas

Campeões nacionais em cadeiras de rodas recebidos em apoteose

Cabinda – O misto de Cabinda de basquetebol em cadeira de rodas, campeão nacional da modalidade, foi recebido em apoteose à chegada segunda-feira, com uma passeata pelas ruas da cidade capital da província.
 
 
Seguindo-se um encontro com a vice-governadora de Cabinda para o área política e social, Aldina da Lomba, durante a qual os bi-campeões nacionais entregaram o troféu conquistado a governante em reconhecimento ao apoio do executivo local para o desenvolvimento do desporto na região em geral e ao desporto adaptado em particular.
 
 
A actividade culminou com uma cerimónia que teve lugar no pavilhão do multi-uso do Tafe, onde os atletas agradeceram o apoio do governo de Cabinda que lhes possibilitou participarem na prova, tendo prometido trabalhar para a conquista de mais troféus.
 
 
A vice-governadora prometeu a continuação do apoio e atenção do governo provincial a modalidade para que mais alegrias venham à província.
 
 
O misto de Cabinda sagrou-se domingo campeão do VII campeonato nacional de basquetebol em cadeiras de rodas, que teve lugar em Luanda.
 
 
É o segundo troféu conquistado consecutivamente pela província de Cabinda, o primeiro foi em 2010.
 
 
O próximo nacional será realizado na província do Kwanza Norte.


Angop
 

Online Fisgas

Campeonato nacional de desporto adaptado: basquetebol em cadeiras de rodas


 11-Jul-2011 

O Misto de Cabinda, apesar de derrotado por 54-60, pelo misto do Complexo Desportivo da Cidadela (CDC), revalidou o título de campeão nacional em cadeiras de rodas.



Foi necessário um prolongamento para se apurar o vencedor e o novo (velho) campeão nacional, já que as duas equipas, ao fim do tempo regulamentar estavam empatadas a 40 pontos com 28-30, ao intervalo.

De notar, que o Misto de Cabinda tinha vencido na primeira-mão o Misto da Cidadela por 48.41, pelo que foi um simples ponto a ditar a revalidação do título.

Para o último lugar do pódio, o Centro Elavoko da Huíla venceu o Misto de Benguela, por 40-29.

O Misto do Uíge recebeu o prémio de equipa \"fair-play\" enquanto Manuel Jamba, do Misto A de Cabinda, foi o melhor marcador da competição, com 158 pontos e Augusto Kaunda, da mesma equipa, como o melhor triplista, com 21 pontos. Já Raul Adriano foi declarado como melhor treinador e Clésio Francisco nomeado para melhor árbitro.

No final da partida, no anexo da Cidadela, o governador de Luanda, José Maria dos Santos, entregou 30 cadeiras de rodas, duas para cada uma das 13 equipas participantes.

Talvez assim, na próxima edição, a VIII, já as equipas do Kwanza-Sul e do Kwando-Kubango, que não puderam participar na prova, também possam participar

A próxima edição do Campeonato Nacional está agendado para o ano 2012, na cidade de Ndalatando, província do Kwanza-Norte.

http://www.noticiaslusofonas.com
 

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Stannah Mobilidade S.A Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
       
Voltar ao topo