Deficiente-Fórum

..:: Deficiente-Forum - Temas da Actualidade ::.. Responsável: Nandito => Bem - Estar, Saude e Qualidade de Vida => Tópico iniciado por: Sininho em 06/02/2015, 14:41

Título: ESQUEÇA OS MOVIMENTOS CIRCULARES. REVELADA A MANEIRA PERFEITA PARA LAVAR OS DENT
Enviado por: Sininho em 06/02/2015, 14:41
ESQUEÇA OS MOVIMENTOS CIRCULARES. REVELADA A MANEIRA PERFEITA PARA LAVAR OS DENTES


(http://thumbs.web.sapo.io/?W=900&H=450&crop=center&delay_optim=1&epic=V2%3Agykz1SMgVOVUQu09QMUXn7aTt0HvQu9ASu9JeZCg%2BmyGs0PLMRRUHb6AOXo9Wkzmf8ouqHs1Z9uXs5GtbNXVlZZ%2FffE%2Fp1rZzVm3DMWbG38M%2F0EiXwG%2BaAJ4%2BAC36aQh)
Escovar bem os dentes nunca reuniu consenso. Movimentos circulares, movimentos verticais, movimentos de frente para trás ou de trás para a frente... Cada médico e cada livro sugerem técnicas diferentes. Mas deixar a boca livre de bactérias é afinal mais fácil do que parece.

AFP
Um professor de medicina dentária diz ter chegado à fórmula ideal para ter uma boca saudável. De acordo com investigadores da University College London, uma simples lavagem com a escova é "perfeitamente eficaz para manter as gengivas saudáveis". Segundo eles, escovar os dentes horizontalmente, com a haste num ângulo de 45 graus é o suficiente para a remoção da placa dentária e a manutenção de uma boca saudável.

De acordo com o estudo, que foi publicado no British Dental Journal, a técnica mais recomendada envolve balançar suavemente a escova para trás e para frente em pequenos movimento circulares, com a intenção de sacudir e soltar partículas de alimentos e placa bacteriana. Mas nenhum estudo mostrou se isso é tão eficaz como a lavagem básica, lê-se na investigação.

"Escove os dentes suavemente em movimentos horizontais, com a escova num ângulo de 45 graus para chegar à placa bacteriana. Para evitar a escovagem forte, segure a haste como se pegasse num lápis. Este método simples é perfeitamente eficaz para manter a gengiva saudável”, explicou Aubrey Sheiham, professor na University College London.

O dentista John Wainwright, que participou no estudo, defende que "a ampla gama de recomendações que encontramos deve-se à falta de uma forte evidência que sugira que um método seja melhor que outro".

"Eu aconselho os meus pacientes a intensificar a escovagem em áreas onde a placa é provável que se armazene, como as superfícies da mastigação e onde os dentes e as gengivas se encontram, usando um movimento simples e suave", explica.

"Muitas vezes perguntam-me por que motivo é que o método que descrevo é diferente do de outros dentistas. Isso é um absurdo. Todos os dentistas deveriam passar uma mensagem mais clara e uníssona aos seus pacientes", concluiu Wainwright.

in sapo.pt