iacess

ergometrica

Ortopedia Moderna

Anuncie Aqui

mobilitec
Stannah Mobilidade S.A

Autopedico

Invacare

Pros Avos

Anuncie Aqui
myservice

Tecnomobile

TotalMobility

Multihortos

Drive Mobility

Autor Tópico: Prótese com inteligência artificial ajuda paciente a andar mais rápido  (Lida 431 vezes)

0 Membros e 6 Visitantes estão a ver este tópico.

Online migel

Prótese com inteligência artificial ajuda paciente a andar mais rápido

Acessório consegue absorver dados do paciente e ser ensinado por um sistema, que por sua vez se adapta ao usuário em alguns minutos


Foto: Helen Huang

Pessoas com algum membro amputado geralmente não conseguem utilizar próteses robóticas como primeira opção. Foi pensando nisso que um grupo de pesquisadores de universidades da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, desenvolveu um sistema inteligente capaz de adaptar o acessório ao usuário em questão de minutos.

A tecnologia é baseada em inteligência artificial, que "ensina" à prótese sobre o membro em falta na pessoa que a utiliza. Para funcionar, a IA vem equipada com um algoritmo de tentativa e erro que, por meio de um sensor de reconhecimento, determina limites iniciais para o portador da prótese. É aí que ela aprende padrões de movimento e como se manter estável.

Para efeito de comparação, adaptar uma prótese a um membro amputado do corpo costuma ser um processo bastante demorado, de horas de treinamento. Com o uso da inteligência artificial, o mesmo procedimento leva em média de 10 a 20 minutos em um terreno plano.

Embora seja um avanço para a criação de próteses com melhor tempo de resposta, o protótipo dos cientistas ainda está longe para uso no dia a dia por uma série de desafios. Um deles é justamente o fato de que o sistema dos braços ou pernas robóticos pode ser rejeitado pelo corpo humano do paciente. Além disso, o mecanismo poderia ser estudado em quedas, mas esse tipo de impacto causaria danos irreversíveis ao acessório e também para o usuário.

Por questões como essas, os pesquisadores também querem identificar se as próteses funcionam em terrenos que não sejam lisos, como escadas ou caminhos com inclinações. Por fim, os aparelhos ainda dependem de inúmeros fios para funcionar, o que remove um pouco da locomoção mais natural.

Com informações do Engadget


Fonte: https://pcworld.com.br/protese-com-inteligencia-artificial-ajuda-paciente-a-andar-mais-rapido/
 

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Stannah Mobilidade S.A Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
       
Voltar ao topo