iacess

ergometrica

Ortopedia Moderna

Liftech

mobilitec

onlift
Stannah Mobilidade S.A

Autopedico

Invacare

Ortopedia Real

TotalMobility

Rehapoint
myservice

Tecnomobile

Liftech

Multihortos

Drive Mobility

Anuncie Aqui

Autor Tópico: Lesão Medular  (Lida 6170 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Eduardo Jorge

Lesão Medular
« em: 19/03/2010, 16:00 »
 
A medula espinal é um órgão do sistema nervoso que se estende desde a base do cérebro até a região lombar e está protegida pela coluna vertebral (ver abaixo). Constitui a via de comunicação através da qual o cérebro recebe informações do resto do corpo, enviando de regresso as ordens para as diferentes partes do corpo. Quando ocorre uma lesão medular (LM) esta comunicação interrompe-se, dando origem a alterações da motricidade voluntária e da sensibilidade abaixo da zona de lesão, disfunção vesico esfincteriana e intestinal, disfunção sexual e reprodutiva e ainda alterações do sistema nervoso vegetativo. Atinge de uma forma profunda e global o indivíduo e as sequelas psico-sociais são também igualmente importantes.

A etiologia da LM é predominantemente traumática – acidentes de viação, quedas no domicílio, acidentes de trabalho, acidentes desportivos, agressões etc. atingindo maioritariamente indivíduos jovens do sexo masculino. A LM também pode estar associada a patologia degenerativa, infecciosa, tumoral, vascular e congénita.

Para determinar a gravidade da lesão, estabelecer o prognóstico e planificar a reabilitação, estabeleceram-se padrões internacionais para uniformização de critérios de classificação neurológica e funcional, propostos pela ASIA (American Spinal Injury Association).

Até há cerca de 60 anos, a sobrevivência de um lesionado medular era muito reduzida; a melhoria dos cuidados de emergência prestados no local do acidente, os avanços no tratamento médico e cirúrgico e a introdução de procedimentos de reabilitação mais sofisticados conduziram a uma diminuição acentuada da taxa de mortalidade. A esperança de vida depende do nível neurológico e do tipo de lesão, sendo actualmente para um tetraplégico completo cerca de 70% da de um indivíduo saudável, para um paraplégico completo de 86% e para um paraplégico incompleto de 92%.

As causas de mortalidade têm sofrido alterações ao longo do tempo. Com a melhoria no tratamento da bexiga neurogénea, as complicações relacionadas com o tracto urinário, nomeadamente a insuficiência renal, deixaram de ser a principal causa de morte nos lesionados medulares. Estudos recentes têm sugerido que as complicações respiratórias, particularmente a pneumonia, são responsáveis pelo maior número de mortes no caso dos tetraplégicos. Se considerarmos os paraplégicos, as doenças cardiovasculares, a septicemia, o suicídio e as neoplasias são actualmente as principais causas. A embolia pulmonar é também uma causa de morte, independentemente do nível de lesão.

De acordo com o nível, classificamos as lesões medulares em:

TETRAPLEGIA – quando a lesão neurológica se localiza a nível da coluna cervical e portanto com atingimento dos quatro membros;

PARAPLEGIA– quando a lesão neurológica se localiza abaixo da coluna cervical  (a nível dorsal, lombar ou sagrado), com atingimento dos membros inferiores e envolvimento variável do tronco.

COLUNA VERTEBRAL


A coluna vertebral é composta de 33 ou 34 ossos individuais, estes ossos são referidos como vértebras. A coluna vertebral é dividida em 5 diferentes áreas que contêm grupos de vértebras e são agrupadas do seguinte modo:

7 vértebras cervicais no pescoço C1 - C7;

12 vértebras torácicas ou dorsais na parte superior das costas correspondentes a cada par de costelas D1 - D12;

5 vértebras lombares na parte inferior das costas L1 - L5;

5 vértebras sacrais que se fundiram para formar o chamado 1 osso sacro S1 - S5;

4 coccígea vértebras que são fundidas para formar o cóccix ou tailbone.

O sacro e cóccix não têm números e cada uma é pensada como um osso. O canal espinal estende-se do forame magno até o hiato sacral.
Fonte e mais informação: Introdução à Lesão Medular da SCML: http://ww4.scml.pt/media/cmra/2010/folhetos/lvm/cap_a.pdf

http://tetraplegicos.blogspot.com
« Última modificação: 19/03/2010, 17:04 por Eduardo Jorge »
 

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Stannah Mobilidade S.A Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
       
Voltar ao topo