iacess

ergometrica

Ortopedia Moderna

Liftech

mobilitec

onlift
Stannah Mobilidade S.A

Autopedico

Invacare

Ortopedia Real

TotalMobility

Rehapoint
myservice

Tecnomobile

Liftech

Multihortos

Drive Mobility

Anuncie Aqui

Autor Tópico: Novo site de apoio ao programa Rebicare  (Lida 2020 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Online migel

Novo site de apoio ao programa Rebicare
« em: 08/04/2010, 18:43 »
 
Novo site de apoio ao programa Rebicare

Esclerose Múltipla? Pergunte à Catarina o que quer saber…

A Merck Serono lança o novo site RebiCare (www.rebicare.pt) que tem como principal objectivo ser uma plataforma interactiva sobre Esclerose Múltipla (EM). É ainda um ponto de encontro entre os doentes com EM, familiares e prestadores de cuidados de saúde, nomeadamente médicos, enfermeiros, cuidadores, bem como todos os interessados pela temática. A nova plataforma do RebiCare é apresentada pela Catarina, uma personagem virtual que indica os diferentes campos de informação disponíveis e orienta o utilizador para navegar no site.

Os utilizadores têm acesso a informação geral sobre EM, que inclui definição, sintomas, diagnóstico, tratamento, conselhos de nutrição e exercício físico, bem como aos serviços de apoio ao doente com EM. Os membros RebiCare têm ainda informação sobre iniciativas e actividades, notícias e eventos, passatempos, acesso a anúncios de emprego, uma biblioteca virtual e filmes, informação sobre medicação e podem partilhar o seu testemunho. A vertente interactiva do RebiCare dá acesso a sessões on-line para debater assuntos ligados ao doente com EM e fóruns de discussão. Os médicos especialistas, enfermeiros e farmacêuticos têm acesso a conteúdos científicos na área da Esclerose Múltipla. A newsletter periódica e as notícias relacionadas com a doença complementam a ligação ao mundo exterior.

“A EM é uma doença que não tem um padrão e cada caso é um caso, por isso os doentes querem sempre saber mais, e também os familiares e amigos querem perceber a doença e como podem eventualmente ajudar. Quanto à área científica, o aparecimento de novas «armas» terapêuticas nos últimos anos, tem vindo a alterar a prática clínica. Aqui os profissionais de saúde podem ter acesso aos mais recentes trabalhos, nacionais e internacionais” , explica Dr.ª Leonor Sequeira, médica, da área de Doenças Neurodegenerativas da Merck Serono.

Fonte:Grupogci

 

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Stannah Mobilidade S.A Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
       
Voltar ao topo