iacess

ergometrica

Ortopedia Moderna

Liftech

mobilitec

onlift
Stannah Mobilidade S.A

Autopedico

Invacare

Ortopedia Real

TotalMobility

Rehapoint
myservice

Tecnomobile

Liftech

Multihortos

Drive Mobility

Elos de Ternura

Autor Tópico: Como pensar na moda inclusiva? Veja algumas dicas.  (Lida 372 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Online Nandito

 
Como pensar na moda inclusiva? Veja algumas dicas.
Guiaderodas - 07/09/2021

A moda inclusiva é uma proposta que favorece a todos, não somente pessoas com deficiência

As adaptações universais criadas para as peças são úteis para qualquer pessoa que precisa de facilidade na hora de se vestir – até mesmo pessoas em condição temporária de mobilidade reduzida ou idosos.

Para a jornalista Heloisa Rocha, idealizadora e gestora do projeto Moda em Rodas é preciso incentivar novas maneiras de ver o mundo através da moda.

“Eu uso a moda e a maquiagem ao meu favor para que as pessoas tenham, após ver a minha cadeira, um outro diferente impacto de quem eu verdadeiramente sou, já que acredito que as escolhas que fazemos diariamente sobre o que vestimos reflete diretamente ao nosso humor e ao que queremos transmitir aos demais.”

O projeto Moda em Rodas atua com o resgate da autoestima feminina, promoção de uma moda mais inclusiva no Brasil e um novo olhar do corpo com deficiência na mídia.

Heloisa conta por meio de podcasts e palestras, sobre as suas próprias experiências e a existência do público consumidor, que assim como ela, precisa adaptar peças por falta de oferta no mercado.

“Pretendo expandir a ideia de que corpos com deficiência devem ocupar este espaço da moda por questões sociais, econômicas, humanitárias e de saúde, já que uma roupa com adaptação oferece conforto e qualidade de vida ao usuário que possui uma deficiência ou mobilidade reduzida”, explica Heloisa.
Mercado atual brasileiro

Cada vez mais as marcas de varejo buscam agregar diversidade e inclusão em suas coleções com a presença de modelos com deficiência – o que já é um grande passo –, mas segundo Heloisa ainda há um longo caminho a ser percorrido.

“Para mim, o grande problema para a expansão da moda inclusiva no país é o fato de que a sociedade com deficiência ainda não experimentou e/ou não compreendeu a real importância de uma peça com adaptações. Dessa forma, não exige da indústria uma mudança em suas coleções e produções, a exemplo do que ocorreu com o movimento plus size”, afirma Heloisa.
Dicas importantes para criar moda inclusiva

Se você quer fazer parte das mudanças no mercado, confira a seguir algumas dicas que farão toda diferença na hora de pensar moda inclusiva para sua marca.
Etiquetas em braille

    O que é? A impressão em braille é um recurso muito útil para a autonomia de pessoas com deficiência visual e baixa visão. Algumas marcas também investem em estampas em alto-relevo, para que através do toque seja possível identificar a estampa da peça.

Para se inspirar:


Fonte: Lado B / link de imagem

Etiquetas com QR Code

    O que é? Criar um QR Code hoje é simples e acessível a qualquer pessoa com acesso à internet. Basta apontar a câmera do smartphone para o código para obter todas as informações sobre as peças, como tecido, cores, tamanho, estampas etc.

Para se inspirar:


Fonte: Sense / link de imagem

Aberturas em velcro e botões de pressão ou magnético

    O que é? As adaptações com abertura em velcro e botões de pressão e/ou magnético (imã) são essenciais para permitir melhor manuseio na hora de colocar e tirar a peça.

Para se inspirar:


Fonte: Aria Moda Inclusiva / link de imagem


Fonte: Easy Access Clothing / link de imagem

Alças e puxadores

    Para que servem? As alças e os puxadores de argola são detalhes importantes para roupas e calçados, pois elas ajudam a facilitar o movimento de puxar, por exemplo, a ponta de uma blusa ou fechar um calçado.

Para se inspirar:


Fonte: Freeda / link de imagem


Fonte: Aria Moda Inclusiva / link de imagem

Corte

    Que diferença faz? Sempre existe algo que pode ser modificado para melhorar a peça de uma pessoa com deficiência. A adaptação de jaquetas com cortes abertos nas costas, por exemplo, pode ser uma opção prática para o dia a dia.

Para se inspirar:


Fonte: IZ Adaptive / link de imagem

Acessórios

    Como torná-los acessíveis? Os acessórios são fundamentais para deixar o visual ainda mais bonito, por isso é preciso pensar em fechos que sejam de fácil manuseio na hora de colocar ou tirar. Pulseiras e colares, por exemplo, podem ter fechos de gancho ou magnético.

Para se inspirar:


Pulseira com fecho de trava magnética

Bracelete com fecho de trava magnética

Dicas de marcas com venda online: Aria Moda Inclusiva, Costuras do Imaginário, Equal Moda Inclusiva, Freeda Moda Inclusiva, Iguall Moda Inclusiva, Lado B e Via Voice For Fashion. Veja outras aqui também!

Gostou do conteúdo? Continue acompanhando o blog Ideia Boa também nas redes sociais Instagram e Facebook!
Cintia Alves de Sousa

Cintia Alves de Sousa
Jornalista especialista em mídia e reportagem, que busca constantemente por novos desafios no segmento da Comunicação Acessível, para contribuir com ações que valorizem a diversidade e a inclusão na sociedade.


Fonte: guiaderodas.com           Link: https://guiaderodas.com/como-pensar-na-moda-inclusiva-veja-algumas-dicas/
"O Senhor detesta o caminho dos ímpios, mas ama quem busca a justiça"  Provérbios 15:9"
 
Os seguintes membros Gostam desta publicação: casconha

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Stannah Mobilidade S.A Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
       
Voltar ao topo