iacess

ergometrica

Ortopedia Moderna

Liftech

mobilitec

onlift
Stannah Mobilidade S.A

Autopedico

Invacare

Anuncie Aqui

TotalMobility

Rehapoint
myservice

Tecnomobile

Liftech

Multihortos

Anuncie Aqui

Elos de Ternura

Autor Tópico: Campeonato do Mundo de natação adaptada  (Lida 671 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Online migel

Re: Campeonato do Mundo de natação adaptada
« Responder #15 em: 17/06/2022, 21:55 »
 
Portugal conseguiu dois bronzes no penúltimo dia dos Mundiais de natação adaptada
Sportinforma / Lusa
17 jun 2022 20:55


Natação adaptada

Susana Veiga com sexto lugar e recorde nacional nos Mundiais de natação adaptada

Diogo Cancela conquista medalha de bronze nos Mundiais de natação adaptada
Portugal ocupa a 37.ª posição no quadro de medalhas, em igualdade com a Eslováquia.

Portugal fechou hoje com a conquista de duas medalhas de bronze, conseguidas por Marco Meneses e Diogo Cancela, o penúltimo dia de competição nos Mundiais de natação adaptada, que decorrem no Funchal.

Em finais separadas por poucos minutos, Marco Meneses e Diogo Cancela chegaram ao bronze nos 100 metros costas S11 (deficiência visual) e 200 metros estilos SM8 (deficiência motora), respetivamente.

Depois das duas conquistas, que colocaram Portugal no quadro de medalhas da competição, Ana Castro foi sétima na final dos 200 metros estilos SM8, com a marca de 3.21,57 minutos, e Ivo Rocha foi oitavo nos 200 livres S5, com 3.04,00.

No sábado, último dia de competições, os dois medalhados portugueses voltam à piscina: Diogo Cancela nada as eliminatórias dos 100 metros bruços SB8 e Marco Meneses tenta um lugar na final dos 400 livres S11.

Também no sábado, Susana Veiga nada as eliminatórias dos 50 metros livres S9, distância na qual é vice-campeão mundial, campeã e recordista europeia, e Tomás Cordeiro participa nos 100 metros costas S10.

Após seis dias de competição, a Itália lidera o quadro de medalhas, com um total de 52 (22 de ouro, 17 de prata e 13 de bronze), seguida dos Estados Unidos, que somam 31 (18 de ouro, sete de prata e seis de bronze), e do Brasil, que segue com 44 (16 de ouro, nove de prata e 19 de bronze).

Portugal, que hoje conseguiu duas medalhas de bronze, ocupa a 37.ª posição no quadro de medalhas, em igualdade com a Eslováquia.

Os Mundiais de natação adaptada, que são a primeira grande competição internacional do ciclo paralímpico Paris2024, decorrem até sábado no Funchal e juntam mais de 600 atletas, de 70 países, entre os quais 10 portugueses.
 

Online migel

Re: Campeonato do Mundo de natação adaptada
« Responder #16 em: 18/06/2022, 22:15 »
 
Portugal fechou com três medalhas e 10 recordes Mundiais de natação adaptada
Sportinforma / Lusa
18 jun 2022 21:48

natacao Natação adaptada
Susana Veiga conquista prata nos Mundiais de natação adaptada


Com uma equipa de 10 nadadores, Marco Meneses, Diogo Cancela e Susana Veiga, que no verão passado fizeram a sua estreia em Jogos Paralímpicos, foram os medalhados da comitiva.
Portugal fechou com três medalhas e 10 recordes Mundiais de natação adaptada


Piscina
Portugal fechou hoje com três medalhas, 10 recordes nacionais e presença em 21 finais os Mundiais de natação adaptada, a primeira grande prova do ciclo paralímpico Paris2024, que decorreram no Funchal.

Com uma equipa de 10 nadadores, entre os quais quatro estreantes em grandes competições, Marco Meneses, Diogo Cancela e Susana Veiga, que no verão passado fizeram a sua estreia em Jogos Paralímpicos, foram os medalhados da comitiva.

Quase ao ‘cair do pano’ da competição, que juntou 600 atletas de 70 países, Susana Veiga conquistou a medalha de prata nos 50 metros livres S9, prova que não integra o programa dos Jogos Paralímpicos, repetindo o resultado conseguido nos Mundiais de 2019.

Susana Veiga, que também é campeã e recordista europeia da distância, tinha sido a única medalhada nos Mundiais disputados há três anos em Londres, e hoje terminou apenas atrás da brasileira Mariana Ribeiro (28,18), que conquistou o ouro

Nos 100 metros costas S11 (deficiência visual), Marco Meneses nadou para o bronze e para o recorde nacional, que fez cair duas vezes, partilhando o pódio com o ucraniano Mykhailo Serbin, medalha de ouro, e com Rogier Dorsman, dos Países Baixos, que conquistou a prata.

Diogo Cancela foi medalha de bronze nos 200 metros estilos SM8, terminando atrás do norte-americano Robert Griswold, que se sagrou campeão mundial, e do grego Dimosthenis Michalentzakis, medalha de prata.

Na Madeira, que foi palco de duas edições de Europeus de natação adaptada, em 2016 e 2021, Portugal apresentou quatro nadadores estreantes: Jaime Catarino, João Campos, Ana Castro e Tomás Cordeiro.


Aos estreantes juntaram-se os paralímpicos Daniel Videira, Diogo Cancela, Ivo Rocha, Marco Meneses e Susana Veiga, e ainda Renata Pinto, medalhada nos Europeus de 2021.

A norte-americana Leanne Smith, com sete medalhas de ouro sai do Funchal como a atleta mais medalhadas, numa lista em que o italiano Stefano Raimondi surge na segunda posição com oito medalhas conquistadas (seis de ouro, uma de prata e uma de bronze).

Tal como nos Mundiais de 2019, disputados em Londres, a Itália voltou a liderar o quadro de medalhas, com um total de 64 pódios (com 27 ouros, 24 pratas e 13 bronzes), seguida dos Estados Unidos, que conseguiram 40 (24 ouros, nove pratas e sete bronzes) e do Brasil, que somou 53 subidas ao pódio (19 ouros, 10 pratas e 24 bronzes).

A primeira grande competição da modalidade do ciclo paralímpico Paris2024 não contou com a participação da Rússia e da Bielorrússia, excluídas devido à invasão militar à Ucrânia, nem da China, que optou por não participar devido à pandemia de covid-19.



Sapo
 

Online Nandito

Re: Campeonato do Mundo de natação adaptada
« Responder #17 em: 21/06/2022, 10:27 »
 
Susana Veiga conquistou medalha de prata nos Mundiais de natação adaptada

21 de Junho, 2022 em Informação, Desporto, Notícias de Tábua, Última Hora min leitura1 min



Fonte de imagem: radioboanova.sapo.pt 

A atleta Susana Veiga, natural da localidade da Ribeira, no concelho de Tábua conquistou, no passado dia 18 de junho, a medalha de prata nos 50 metros livres S9 nos Mundiais de natação adaptada, que decorreram no Funchal, distância na qual é campeã europeia.

Susana Veiga, que repetiu a prata conquistada em 2019 nos Mundiais disputados em Londres, nadou a final em 28,90 segundos, terminando a 72 centésimos da brasileira Mariana Ribeiro (28,18), que conquistou o ouro.

A nadadora mostrou-se “superfeliz” com a conquista da medalha, lamentando apenas que a prova dos 50 metros livres S9 não integre o programa paralímpico.

“Estou superfeliz, renovei o título de vice-campeã mundial, gosto muito da prata. Agora vou de férias”, disse Susana Veiga, após “revalidar” a prata conseguida nos Mundiais de 2019 nos 50 metros livres S9.

A nadadora do Clube Vasco da Gama, que é campeã e recordista europeia da distância, admitiu que precisou de gerir bem a ansiedade para disputar a sua prova de eleição no último dia de competição.

Susana Veiga, que tem um encurtamento do fémur e falta de mobilidade na perna direita, lamentou apenas que a sua prova de eleição, os 50 metros livres, não integre o calendário dos Jogos Paralímpicos.

Susana Veiga, que dedicou a medalha à família e ao treinador, Nuno Quintanilha.

Os Mundiais de natação adaptada, a primeira grande competição internacional do ciclo paralímpico Paris2024, decorreram no Funchal e juntaram mais de 600 atletas, de 70 países, entre os quais 10 portugueses.





Fonte: radioboanova.sapo.pt                      Link: https://radioboanova.sapo.pt/susana-veiga-conquistou-medalha-de-prata-nos-mundiais-de-natacao-adaptada/
"O Senhor detesta o caminho dos ímpios, mas ama quem busca a justiça"  Provérbios 15:9"
 
Os seguintes membros Gostam desta publicação: migel

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Stannah Mobilidade S.A Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
     
Voltar ao topo