iacess

ergometrica

Ortopedia Moderna

Anuncie Aqui

mobilitec
Stannah Mobilidade S.A

Autopedico

Invacare

Pros Avos

Anuncie Aqui
myservice

Tecnomobile

TotalMobility

Multihortos

Drive Mobility

Autor Tópico: Cientistas descobrem forma de célula matar todos os tipos de cancro.  (Lida 431 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Online casconha



Cientistas descobrem forma de célula matar todos os tipos de cancro.




Cientistas da Universidade de Cardiff conseguiram usar células do nosso próprio corpo para matar células cancerígenas de mais e diferentes tipos, em laboratório. A descoberta abre caminho a que um só tipo de célula "mate" vários cancros, entre eles o da próstata, mama e pulmão.

O estudo foi publicado na revista Nature Immunology. A terapia não foi testada em pacientes e a investigação está numa fase inicial, mas os cientistas consideram que existe "enorme potencial".

No nosso sangue, existem células T. Estão ligadas ao nosso sistema imunitário, a defesa natural do corpo contra infeções e doenças. A equipa de Cardiff descobriu um tipo de célula T cujo recetor pode encontrar e matar vários tipos de células cancerígenas. Foi testada no cancro do pulmão, pele, sangue, cólon, mama, ossos, próstata, ovários, rim e cancro cervical. As células de tecido normal ficaram intocadas.

Os cientistas acreditam que o recetor desta célula T interage com uma molécula chamada MR1, que se encontra na superfície de cada célula do nosso corpo. A sua função será alertar o sistema imunitário para o que se passa numa célula cancerosa. Os cientistas esperam que uma célula imunitária possa analisar o corpo para perceber onde se encontra uma ameaça a eliminar.

"Há uma possibilidade aqui de tratar cada paciente. Antes ninguém acreditava que podia ser possível. Isto levanta a hipótese de um tratamento do cancro ‘para todos os tamanhos’, um só tipo de célula T que possa ser capaz de destruir diferentes tipos de cancro em toda a população", relatou o cientista Andrew Sewell à BBC.

Já existem tratamentos à base de células T. Um dos mais famosos é o CAR-T, que modifica células de doentes para identificarem e destruírem células cancerígenas. Porém, só se aplica a um número limitado de cancros, pelo que esta descoberta pode trazer esperança a mais pessoas.



Fonte: cmjornal
 
Os seguintes membros Gostam desta publicação: migel

Offline maxenzo2

Infelizmente nunca nenhum segue para a frente por causa das farmacêuticas.
 

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Stannah Mobilidade S.A Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
       
Voltar ao topo