iacess

ergometrica

Ortopedia Moderna

Anuncie Aqui

mobilitec
Stannah Mobilidade S.A

Autopedico

Invacare

Pros Avos

Anuncie Aqui
myservice

Tecnomobile

TotalMobility

Multihortos

Drive Mobility

Autor Tópico: Morreu doente que parou Parlamento para pedir tratamento para hepatite C  (Lida 404 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline hugo rocha

Morreu doente que parou Parlamento para pedir tratamento para hepatite C
N.N./Lusa
21 fev 2020 12:01


"Não me deixe morrer, eu quero viver", gritou José Carlos Saldanha durante uma sessão da Comissão Parlamentar da Saúde, durante o primeiro governo de Pedro Passos Coelho.


Morreu doente que parou Parlamento para pedir tratamento para hepatite C
MIGUEL A. LOPES/LUSA
Um dos rostos da luta pelo acesso à medicação para a hepatite C, José Carlos Saldanha, morreu hoje vítima de uma infeção generalizada que nada teve a ver com a hepatite, doença do qual estava curado há quase cinco anos.

A notícia foi confirmada à agência Lusa por fonte oficial do Centro Hospitalar Universitário Lisboa Norte, que adiantou que a morte se deveu a uma septicemia, que não está ligada à hepatite C, da qual José Carlos Saldanha já se tinha curado.

Além de ser um dos rostos da luta pelo acesso a medicação inovadora contra a hepatite C, José Carlos Saldanha esteve entre os primeiros doentes a receber o tratamento no hospital Santa Maria (Centro Hospitalar Lisboa Norte).

José Carlos Saldanha ficou conhecido publicamente quando, em 2015, interrompeu uma sessão na comissão parlamentar de Saúde a exigir ao então ministro Paulo Macedo acesso ao tratamento inovador para a hepatite C. "Não me deixe morrer, eu quero viver", disse na altura.

Depois de no dia 4 de fevereiro de 2015 ter questionado diretamente o ministro durante a sessão no parlamento, José Carlos Saldanha recebeu a notícia de que iria começar tratamento.


O laboratório que comercializa o fármaco encontrava-se ainda a finalizar negociações com o Governo para obter acordo sobre o preço do medicamento.

Dois dias depois da intervenção de José Carlos Saldanha, o então ministro da Saúde anunciou que o Estado alcançou um acordo para fornecimento de dois medicamentos inovadores para a hepatite C, que prevê o pagamento por cada doente tratado.


Fonte: Sapo
 
Os seguintes membros Gostam desta publicação: casconha

Offline AREZ


Paz à sua alma , foste um grande guerreiro , que Deus te conceda o galardão ai no céu.
AREZ
 
Os seguintes membros Gostam desta publicação: migel

Online casconha




Sem dúvida um grande guerreiro, que com a sua luta salvou muitas pessoas de morrer
 
Os seguintes membros Gostam desta publicação: migel

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Stannah Mobilidade S.A Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
       
Voltar ao topo