iacess

ergometrica

Ortopedia Moderna

Anuncie Aqui

mobilitec
Stannah Mobilidade S.A

Autopedico

Invacare

Pros Avos

Anuncie Aqui
myservice

Tecnomobile

TotalMobility

Multihortos

Drive Mobility

Autor Tópico: Tudo relacionado com o Coronavírus  (Lida 9769 vezes)

jpcs94 e 21 Visitantes estão a ver este tópico.

Online Ana-S

Tudo relacionado com o Coronavírus
« em: 11/02/2020, 11:32 »


O alerta é feito por Gabriel Leung, diretor de Medicina de Saúde Pública na Universidade de Hong Kong, ao jornal “The Guardian”. “60% a 80% da população mundial será afetada? Talvez não. Talvez isto venha por vagas. Talvez o vírus venha a atenuar a sua letalidade: se matar todos no seu caminho, acabará também por morrer”, acrescentou o especialista

Ocoronavírus pode espalhar-se a cerca de dois terços da população mundial se não puder ser controlada, alerta o epidemiologista Gabriel Leung, diretor de Medicina de Saúde Pública na Universidade de Hong Kong. O aviso do especialista, reproduzido esta terça-feira no jornal “The Guardian”, surge depois de o diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, ter dito que casos detetados em pacientes que nunca tinham visitado a China poderiam ser “a ponta do icebergue”.

A questão principal passa por descobrir o tamanho e a forma do icebergue, acrescentou o epidemiologista. A maioria dos especialistas considera que cada pessoa infetada poderá passar o vírus a cerca de 2,5 outras pessoas, o que representa uma “taxa de ataque” entre 60% e 80%. “60% da população mundial é um número muito grande”, sublinhou Leung.

Mesmo com uma taxa de mortalidade na ordem do 1%, que o epidemiologista considera ser possível quando os casos mais ligeiros forem considerados, o número de mortes seria maciço. “60% a 80% da população mundial será afetada? Talvez não. Talvez isto venha por vagas. Talvez o vírus venha a atenuar a sua letalidade: se matar todos no seu caminho, acabará também por morrer”, defendeu.

AS RESTRIÇÕES NA CHINA ESTÃO A RESULTAR?
É igualmente necessário saber se as restrições aplicadas em Wuhan, considerada o epicentro do vírus, e noutras cidades reduziram as infeções. “Estas intervenções maciças de saúde pública, o distanciamento social e as restrições de mobilidade resultaram na China? Se sim, como podemos aplicá-las – ou isso não é possível?”, questionou-se Leung, ainda em declarações ao “Guardian”.

“Vamos assumir que resultaram”, disse, elencando outras perguntas: “Durante quanto tempo se pode manter as escolas fechadas? Durante quanto tempo se pode isolar uma cidade inteira? Durante quanto tempo se pode manter as pessoas afastadas dos centros comerciais? E se as restrições forem levantadas, voltará tudo ao início e [o vírus] atacará de novo?”

Se as restrições não resultarem, há uma outra verdade desagradável a enfrentar: pode não ser possível conter o coronavírus, escreve o jornal. Nesse caso, o mundo terá de mudar de estratégia. Em vez de o tentar conter, precisará de trabalhar para mitigar os seus efeitos.

MAIS DE 100 MORTES NUM SÓ DIA
As autoridades chinesas de saúde atualizaram esta terça-feira o número de novas mortes associadas ao coronavírus em 108, elevando para 1.018 o número de mortes em todo o mundo (apenas dois óbitos foram registados fora da China continental: um nas Filipinas e o outro em Hong Kong). É a primeira vez que mais de 100 pessoas morrem da doença num só dia.

A Comissão Nacional de Saúde também reportou 2.478 novos casos confirmados da doença, elevando o total para 42.638 na China continental e para 43.102 em todo o mundo. Das mortes registadas só na segunda-feira, 103 ocorreram na província de Hubei, epicentro do vírus, e cinco noutras províncias chinesas.

Mais de 1.550 dos novos casos foram confirmados na capital de Hubei, Wuhan, onde se acredita que o vírus terá tido origem num mercado de marisco e carne em dezembro.

fonte: https://expresso.pt/internacional/2020-02-11-Coronavirus-pode-infetar-mais-de-metade-da-populacao-mundial-se-nao-puder-ser-controlado-diz-epidemiologista
« Última modificação: 12/03/2020, 09:35 por migel »
 
Os seguintes membros Gostam desta publicação: migel, casconha, Pantufas, Raposa

Offline Sardinha

Maratona de Tóquio cancelada devido ao coronavírus
« Responder #1 em: 18/02/2020, 10:08 »
Maratona de Tóquio cancelada devido ao coronavírus
Organização anuncia que apenas a prova de elite será realizada


• Foto: Getty Images

A organização da Maratona de Tóquio anunciou esta segunda-feira a decisão de cancelar a edição deste ano da prova popular, mantendo apenas a disputa da corrida de elites e de cadeira de rodas. De acordo com o comunicado emitido, a decisão foi tomada após a deteção do primeiro caso de coronavírus no país, algo que levou a organização, juntamente com as autoridades da cidade e do país, a tomar medidas preventivas em nome da saúde pública.

"Pedimos desculpas a todos os que tiveram a sorte e sentiram a felicidade de serem escolhidos, mas estas restrições são inevitáveis", declarou Yuriko Koike, o governador da cidade em alusão à medida tomada.


Na nota emitida, a organização da prova nipónica, uma das mais importantes provas de longa distância do Mundo e que faz parte do circuito Abbott World Marathon Majors, explica ainda que os mais de 30 mil corredores que garantiram a sua inscrição para a edição deste ano terão a possibilidade de transferir a mesma para 2021.

De notar que na semana passada a organização japonesa já tinha pedido aos corredores chineses para não viajarem para o país na sequência dos recentes casos de coronavírus.

Quanto à prova de elites, irá ser realizada conforme previsto, a 1 de março, com a presença de cerca de 200 atletas, os quais terão nesta prova uma das derradeiras chances para carimbar um registo que lhes permita marcar presença nos Jogos Olímpicos deste ano, que se realizarão também em Tóquio no verão.

Por Fábio Lima


Fonte: Record
 

Online migel

Diário da República n.º 43/2020, 2º Suplemento, Série II de 2020-03-02



 Data de Publicação:2020-03-02
  Número:43
 Série:II


Despacho n.º 2836-A/2020 - Diário da República n.º 43/2020, 2º Suplemento, Série II de 2020-03-02 129793730

Modernização do Estado e da Administração Pública, Trabalho, Solidariedade e Segurança Social e Saúde - Gabinetes das Ministras da Modernização do Estado e da Administração Pública, do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social e da Saúde
Ordena aos empregadores públicos a elaboração de um plano de contingência alinhado com as orientações emanadas pela Direção-Geral da Saúde, no âmbito da prevenção e controlo de infeção por novo Coronavírus (COVID-19)


 

Offline Pantufas

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #3 em: 12/03/2020, 09:44 »
Trump suspende todas as viagens da Europa para os EUA durante 30 dias

12 mar 2020 01:37

Donald Trump Covid-19
NBA suspende temporada depois de jogador testar positivo ao novo coronavírus

Declaração de pandemia e suspensão dos voos da Europa para os EUA. Principais bolsas fecham e abrem a perder
O presidente Donald Trump anunciou esta quarta-feira a suspensão por 30 dias de todas as viagens da Europa para os Estados Unidos, com o objetivo de deter a propagação do novo coronavírus.

"Para evitar que cheguem novos casos ao nosso país, vou suspender todas as viagens da Europa para os Estados Unidos durante os próximos 30 dias", disse Trump num anúncio realizado em direto para o país a partir da Sala Oval, na Casa Branca .

A decisão entrará em vigor no primeiro minuto de sexta-feira, mas deixará de fora o Reino Unido e os transportes de carga.

As autoridades da Segurança Interna esclareceram também que as novas restrições de viagens se aplicarão apenas à maioria dos estrangeiros que estiveram no Espaço Schengen 14 dias antes da chegada programada aos Estados Unidos.

Os países signatários do Acordo de Shengen, a partir do qual os territórios permitem a livre circulação de pessoas, são os seguintes: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estónia, França, Finlândia, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letónia, Lituânia , Luxemburgo, Liechtenstein, Malta, Noruega, Holanda, Polónia, Portugal, República Checa, Suécia e Suíça.

"Avançámos com ações antecipadas contra a China que salvaram vidas", disse Trump. "Agora devemos tomar a mesma ação com a Europa", acrescentou.


Continue a lêr aqui: https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/trump-suspende-todas-as-viagens-oriundas-da-europa-para-os-eua-durante-30-dias


 

Offline Pantufas

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #4 em: 12/03/2020, 09:46 »
Covid-19: Confirmados 59 casos em Portugal. Adiado encerramento de escolas

MadreMedia
11 mar 2020 21:52


Encerramento de escolas: "Esta noite não vai seguramente ser decretado nada", diz António Costa
Atualidade · 11 mar 2020 20:28

Em conferência de imprensa, a ministra da Saúde, Marta Temido, informou que o número de casos oficiais confirmados de infeção em Portugal se mantém — 59 casos — e que não serão, para já, encerradas as escolas nacionais. Apesar de haver novos casos, os números oficiais só serão conhecidos esta quinta-feira.


MANUEL DE ALMEIDA/LUSA
Não muda nada.

Em conferência de imprensa esta noite, a primeira-ministra Marta Temido fez um balanço que em nada altera os valores já conhecidos esta manhã do surto do novo coronavírus: 59 casos confirmados de infeção, 471 casos suspeitos, 83 casos a aguardar resultados e 3.066 casos vigiados. A maior concentração de casos continua a ser na região Norte e mantém-se seis cadeias de transmissão ativas com casos importados de Espanha, Itália, Alemanha/Áustria.

Relativamente ao número atualizado de Casos, Graça Freitas, Diretora Geral de Saúde, confirmou que há registo de novas ocorrências, mas remeteu a atualização para esta quinta-feira.

"Entre a publicação do boletim já houve mais casos confirmados, mas decidimos que para haver coerência com os números, para que nenhum caso seja contado duas vezes, que só vamos dar os números uma vez por dia", explicou.

Já sobre a reunião do Conselho Nacional de Saúde Pública que hoje teve lugar, e sobre a qual dependia a decisão de encerrar os estabelecimento de ensino nacionais, a decisão foi de que "devem ser reforçadas as medidas de contenção, bem como os meios para a sua implementação"; "só se justifica o encerramento total ou parcial dos estabelecimentos de ensino públicos, privados ou sociais, de qualquer nível de ensino por determinação expressa das autoridades de saúde", "não se justifica o encerramento de museus e outros equipamentos sociais a não ser por determinação das autoridades de saúde, devendo nos mesmos ser adotadas medidas de delimitação de visitantes por forma minimizar o risco".

As recomendações foram comunicadas por Jorge Torgal, membro do Conselho Nacional de Saúde Pública durante a conferência de imprensa.

Ou seja, fica adiado o encerramento das escolas nacionais.

Marta Temido criticou ainda circulação de informação "sem correspondência à realidade" no dia de hoje. "O apelo que gostaríamos de deixar (...) é que todos trabalhemos no sentido de melhor informar os nossos cidadãos, de melhorar a comunicação com base em fontes fiáveis e que não estimule o alarme social desproporcionado".

"Se acontecer alguma coisa de mal ou de bom tenham a certeza que vos informaremos", garantiu Marta Temido. Momentos depois, a Diretora Geral de Saúde desmentiu a primeira morte em Portugal, rumor que andou a circular indevidamente ao longo do dia de hoje.

Ainda sobre o não-encerramento das escolas, Graça Freitas disse que "não podemos antecipadamente criar medidas desproporcionadas", explicando que em cada local será feita uma avaliação pelas autoridades de saúde, podendo ser determinado então o encerramento de uma ou várias escolas. "Neste momento mantém-se a decisão de encerrar escolas casuisticamente", concluiu.

Questionada sobre os dois casos de pacientes com infeções respiratórias no Hospital Santa Maria que só agora foram testados, Graça Freitas explicou que "a definição de caso alterou-se, de acordo com indicações internacionais, e os hospitais cumpriram com a [nova] definição de caso e foram pesquisar doentes que tinham internados com pneumonia e que não tinham outra etiologia, e fizeram pesquisa para covid-19", explicou.

Fonte: https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/covid-19-59-casos-confirmados-adiado-encerramento-de-escolas
 

Offline Pantufas

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #5 em: 12/03/2020, 09:48 »
Grécia regista primeira morte por coronavírus. Medidas de prevenção vão ser reforçadas
N.N./Lusa
12 mar 2020 07:38

Coronavírus COVID-19
COVID-19: Índia suspende vistos de turismo por coronavírus


A Grécia anunciou hoje a primeira morte causada pelo surto de COVID-19, um homem de 66 anos com uma patologia cardíaca anterior e que havia sido hospitalizado na cidade de Patras, na península do Peloponeso.
Grécia regista primeira morte por coronavírus. Medidas de prevenção vão ser reforçadas
Segundo as autoridades de saúde, o paciente foi infetado durante uma viagem de grupo a Jerusalém no final de fevereiro, na qual participaram outras 53 pessoas, a maioria a testar positivo ao vírus.

O último relatório de saúde divulgado na quarta-feira à tarde apontava para 99 infeções em todo o território grego.

Recomendações da DGS
A DGS acompanha a situação da expansão do novo coronavírus e recomenda:

Em Portugal, caso apresente sintomas de doença respiratória e tenha viajado de uma área afetada pelo novo coronavírus, as autoridades aconselham a que contacte a Saúde 24 (808 24 24 24). Caso se dirija a uma unidade de saúde deve informar de imediato o segurança ou o administrativo.
Evitar o contacto próximo com pessoas que sofram de infeções respiratórias agudas; evitar o contacto próximo com quem tem febre ou tosse;
Lavar frequentemente as mãos, especialmente após contacto direto com pessoas doentes, com detergente, sabão ou soluções à base de álcool;
Lavar as mãos sempre que se assoar, espirrar ou tossir;
Evitar o contacto direito com animais vivos em mercados de áreas afetadas por surtos;
Adotar medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e boca quando espirrar ou tossir (com lenço de papel ou com o braço, nunca com as mãos; deitar o lenço de papel no lixo);
Evitar o consumo de produtos de animais crus, sobretudo carne e ovos;
Seguir as recomendações das autoridades de saúde do país onde se encontra.
O Governo do conservador Kyriakos Mitsotakis decidiu na quarta-feira reforçar as medidas de prevenção e, à noite, todos os telefones do país receberam um alerta a recomendar que as pessoas mais vulneráveis fiquem em casa o máximo possível e maximizem a higiene pessoal.

Ao mesmo tempo, foi decidido adiar todos os procedimentos cirúrgicos não urgentes em hospitais públicos.

O Ministério da Saúde também anunciou a contratação imediata de 2.000 profissionais por um período de dois anos.

Desde quarta-feira, todos os centros educacionais também foram fechados e todos os eventos com mais de 1.000 espetadores foram suspensos.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou na quarta-feira a doença COVID-19 como pandemia. A OMS justificou a declaração com os "níveis alarmantes de propagação e de inação".

A pandemia de COVID-19 foi detetada em dezembro, na China, e já provocou mais de 4.500 mortos em todo o mundo.

O número de infetados ultrapassou as 124 mil pessoas, com casos registados em 120 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 59 casos confirmados.

Face ao avanço da pandemia, vários países têm adotado medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena inicialmente decretado pela China na zona do surto.

A Itália é o caso mais grave depois da China, com mais de 12.000 infetados e pelo menos 827 mortos, o que levou o Governo a decretar a quarentena em todo o país.

Fonte: https://lifestyle.sapo.pt/saude/noticias-saude/artigos/grecia-regista-primeira-morte-por-coronavirus
 

Offline Pantufas

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #6 em: 12/03/2020, 09:51 »
AO MINUTO: PANDEMIA DE COVID-19 CONTINUA A ALASTRAR NO PAÍS E NO MUNDO. PORTUGAL FASHION ARRANCA HOJE À PORTA
FECHADA
actualizado há 2 horas
O número de pessoas infetadas com COVID-19 no mundo inteiro atingiu os 124.101, dos quais 4.566 morreram em 113 países e territórios, segundo um balanço da AFP baseado em fontes oficiais. A Organização Mundial de Saúde (OMS) decretou pandemia por causa do novo coronavírus. A 46ª edição do Portugal Fashion começa hoje no Porto mas desfiles vão acontecer à porta fechada.
Ao minuto

Grécia regista primeira morte por coronavírus. Medidas de prevenção vão ser reforçadas
há 2 horas
46.º edição do Portugal Fashion arranca hoje na Alfândega do Porto à porta fechada
há 3 horas
Ator Tom Hanks e mulher estão infetados com novo coronavírus
há 3 horas
EUA suspendem voos de países da União Europeia a partir de sexta-feira e UE pede que se evite disrupção económica
mesmo agora
SAPO Lifestyle acompanha ao minuto todas as atualizações sobre o COVID-19
há 3 minutos
PSI20 segue a cair mais de 5% alinhada com a Europa
A bolsa de Lisboa segue a cair 5,39%, alinhada com as congéneres europeias, com a EDP a perder mais de 7% e todos os títulos a negociarem no vermelho. Pelas 08:50, o principal índice de referência, o PSI20, seguia a recuar 5,39% com 18 títulos em baixa.

A Corticeira Amorim e a EDP eram as empresas que mais recuavam 9,24% e 7,02% para 8,05 euros e 3,75 euros. A Jerónimo Martins estava em baixa de 5,45% para 13,98 euros e a Galp perdia 4,89% para 8,94 euros. O BCP, por sua vez, seguia a baixar 4,57% para 0,12 euros.

A Ramada Investimentos e a Ibersol eram as empresas que menos perdiam, com quedas de 0,46% e 3,19% para 4,30 euros e 6,68 euros, respetivamente.

há 4 minutos
Cancelada greve climática estudantil marcada para sexta-feira

As manifestações da Greve Climática Estudantil que estavam marcadas para sexta-feira por todo o país foram canceladas devido à pandemia de COVID-19, anunciou esta quinta-feira a organização do movimento em Portugal.
 
Em comunicado, a organização justifica o cancelamento com o contexto dos últimos acontecimentos relacionados ao novo coronavírus e pela “responsabilidade social para com a saúde pública”.
Ler mais

há 8 minutos
Ministra da Saúde pede informação rigorosa após notícias falsas
A ministra da Saúde, Marta Temido, apelou na noite de quarta-feira a uma informação mais rigorosa aos cidadãos em relação ao COVID-19, num dia em que, disse, circularam “muitas notícias sem correspondência com a realidade”.

Marta Temido pediu aos jornalistas que não estimulem o alarme social exagerado. E acrescentou depois: “Não podemos dispersar-nos atrás de boatos. Acreditem em nós, não temos motivos para não falar verdade”.


Fonte: https://lifestyle.sapo.pt/saude/noticias-saude/artigos/ao-minuto-pandemia-de-covid-19-continua-a-alastrar-no-pais-e-no-mundo
 

Offline Pantufas

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #7 em: 12/03/2020, 09:53 »
Vírus: Diretores contra decisão de não encerrar já as escolas
ECO
8:19

O “alarme social” que a doença está a provocar junto das famílias, dos alunos e pessoal docente e não docente justifica o encerramento de escolas, na opinião dos presidentes da ANDE e da ANDAEP.


Depois do Conselho Nacional de Saúde Pública (CNSP) ter decidido que as escolas só devem encerrar por ordem das autoridades de saúde, os presidentes da Associação Nacional de Dirigentes Escolares (ANDE) e da Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas (ANDAEP) veem manifestar-se contra a decisão justificando o “alarme social” que a doença está a provocar dentro das comunidades educativas, escreve o Público (acesso livre).


Ao Público, Flinto Lima, que lidera a ANDAEP, diz que o clima nas escolas é “grande angústia e ansiedade”, apontando que os alunos “já não rendem como é normal em função de toda esta situação”. No início da semana, a ANDAEP tinha sugerido que as férias da Páscoa fossem antecipadas, por forma a permitir o encerramento imediato das escolas.

Já Manuel Pereira, presidente ANDE, considera que o Governo português está a cometer o mesmo erro que o Executivo italiano, defendendo que “é preciso atuar de imediato e tomar medidas drásticas”. “Situações excecionais exigem medidas excecionais”, aponta Manuel Pereira. Nenhum dos dois diretores põe em causa a decisão do CNSP em matéria de saúde pública.

O Governo reúne esta quinta-feira em Conselho de ministros, tendo esta temática na agenda e o primeiro-ministro recebe os líderes dos diversos grupos parlamentares para apresentar as medidas que estão a ser tomadas, para conter o surto. Em Portugal, há 59 casos confirmados.

Fonte: https://eco.sapo.pt/2020/03/12/virus-diretores-contra-decisao-de-nao-encerrar-ja-as-escolas/
 

Offline Pantufas

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #8 em: 12/03/2020, 09:56 »
Em atualização Do ensino ao desporto, como a Covid-19 está a afetar os eventos e serviços em Portugal
MadreMedia / Lusa
9 mar 2020 15:51

Atualidade · 10 mar 2020 16:59

O surto de Covid-19 está a motivar, desde a semana passada, o encerramento ou o condicionamento do acesso a serviços públicos, escolas, hospitais e outros equipamentos em Portugal. Conferências, provas desportivas ou eventos culturais também estão a ser afectados.
Do ensino ao desporto, como a Covid-19 está a afetar os eventos e serviços em Portugal


ENSINO
- A Escola Secundária de Santa Maria da Feira vai estar encerrada até sexta-feira devido à suspeita de que um aluno possa estar infetado.

- O Grupo Lusófona decidiu suspender, preventivamente e até 24 de março, a atividade na maioria das suas instituições de ensino superior.  A medida aplica-se às seguintes instituições: Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, em Lisboa, IPLUSO – Instituto Politécnico da Lusofonia, em Lisboa, Universidade Lusófona do Porto, Instituto Politécnico de Gestão e Tecnologia de Gaia e Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes, em Portimão.

- A Direção-Geral da Saúde anunciou (dia 8) o encerramento de todas as escolas dos concelhos de Lousada e Felgueiras, no distrito do Porto.

- A Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Politécnico do Porto fechou (dia 9) por tempo indeterminado “todas as instalações onde decorrem aulas”, incluindo Amarante e Penafiel, no distrito do Porto, além de Felgueiras e Lousada.

- As aulas da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto estão suspensas e todos os seus estudantes estão interditados de circular no edifício do Hospital de São João. Também foram suspensas as atividades de formação – aulas, estágios e visitas de estudo – com a participação de profissionais do Centro Hospitalar Universitário de São João.

- As instalações partilhadas do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar e da Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto vão permanecer encerradas até 20 de março.

- A Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário (CESPU) suspendeu todas as aulas nos seus estabelecimentos de ensino e encerrou a maior parte dos espaços, de forma preventiva.

- Em Portimão (distrito de Faro), dois estabelecimentos de ensino estão fechados: a Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes, onde uma aluna foi diagnosticada com Covid-19, e a Escola Básica Professor José Buisel, onde leciona a mãe da aluna doente, também infetada.

- A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, em Vila Real, decidiu suspender eventos e atividades desportivas da responsabilidade da academia, bem como as deslocações em serviço para países afetados pelo surto de Covid-19.

- A Escola Secundária da Amadora, no distrito de Lisboa, e a Escola Básica 2,3 Roque Gameiro, no mesmo concelho, estão encerradas até 20 de março, depois de identificados dois novos casos de Covid-19.

- A Universidade dos Açores (com polos em São Miguel, Terceira e Faial) decidiu (no dia 9) adiar por "tempo indeterminado ou cancelar" os "congressos, 'workshops', seminários ou outros eventos públicos científicos ou culturais" em espaços da instituição. A academia proibiu a entrada nas residências universitárias a qualquer pessoa que se desloque para o arquipélago proveniente de outros países e regiões sem que tenha cumprido um período de quarentena.

- O Instituto Politécnico de Viana do Castelo suspendeu a edição 2020 do evento Cimeira IPVC e adiou a feira do emprego, que decorria em simultâneo, no dia 18, e que previa a participação de mais de 10 mil visitantes.

- O Instituto de Estudos Superiores de Fafe fechou (no dia 9) as instalações e suspendeu atividades presenciais pelo menos por duas semanas, por razões preventivas, numa medida que abrange 900 alunos.


Fonte: https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/covid-19-lista-de-servicos-e-espacos-encerrados-ou-condicionados-em-portugal
 

Offline Pantufas

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #9 em: 12/03/2020, 10:31 »
China cancela acessos ao Everest a poucas semanas do início da temporada mais procurada por alpinistas
MadreMedia / AFP
12 mar 2020 10:07

Everest China Covid-19
Xangai reabre locais turísticos. Lentamente, a China dá sinais de regresso à normalidade

Xangai reabre locais turísticos. Lentamente, a China dá sinais de regresso à normalidade

A China cancelou as autorizações para escalar o Everest devido à pandemia de coronavírus, anunciaram nesta quinta-feira organizadores da expedição, a poucas semanas do início da alta temporada.
China cancela acessos ao Everest a poucas semanas do início da temporada mais procurada por alpinistas
A maior montanha do planeta é acessível pela China através do seu flanco norte e pelo Nepal a partir do sul. Esta última via é tradicionalmente a de maior fluxo e não foi fechada até o momento.

Várias agências de alpinismo informaram a AFP que as autoridades chinesas anunciaram o encerramento da sua via rumo ao monte de 8.848 metros de altura.

A temporada de primavera do hemisfério norte, a mais propícia para a dura escalada da montanha, acontece entre abril e maio.

A pandemia do novo coronavírus, que surgiu na China em dezembro, já deixou quase 4.600 mortos e 125.000 infectados em 113 países.

Fonte: https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/china-cancela-acessos-ao-everest-a-poucas-semanas-do-inicio-da-temporada-mais-procurada-por-alpinistas
 

Offline Raposa

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #10 em: 12/03/2020, 12:29 »
COVID-19: 78 casos confirmados em Portugal. Nenhuma morte
Nuno de Noronha
12 mar 2020 11:24

Saúde Doenças OMS DGS Vírus Coronavírus COVID-19

Há 78 casos confirmados do novo coronavírus em Portugal, mais 19 do que ontem. A maioria dos doentes mantém-se no Norte. A informação é avançada pela Direção-geral da Saúde (DGS) num boletim epidemiológico divulgado esta quinta-feira.
COVID-19: 78 casos confirmados em Portugal. Nenhuma morte
TIAGO PETINGA/LUSA



Segundo o documento divulgado hoje, há 78 casos confirmados de COVID-19 em Portugal, 637 suspeitos, 133 a aguardar resultado laboratorial e 4923 em vigilância epidemiológica. Dos 78 casos confirmados, 69 estão internados.

Do total de 78 casos, 44 estão no Norte, cinco em Coimbra, 23 em Lisboa, cinco em Portimão e um no estrangeiro.


O boletim informa que há seis cadeias de transmissão ativa em Portugal. Dos 78 casos, cinco são importados de Espanha, 10 de Itália, três da Suíça e um da Áustria ou Alemanha.

Segundo o documento da DGS divulgado hoje, a maioria das pessoas infetadas por COVID-19 apresenta tosse (65%), havendo casos de febre (46%), dores musculares (40%), cefaleia (37%), fraqueza generalizada (24%) e dificuldade respiratória (10%).

É entre a população com idades entre os 40 e os 49 anos que se registam mais casos (21 casos), seguindo-se a faixa etária entre os 30 e os 39 anos (14 casos).

Há duas pessoas com mais de 80 anos com o novo vírus, bem como uma criança com menos de nove anos.

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom, declarou esta quarta-feira o novo coronavírus (COVID-19) uma pandemia, ou seja, a doença tomou proporções à escala mundial, com diferentes focos em vários países do mundo.

Recomendações da DGS
A DGS acompanha a situação da expansão do novo coronavírus e recomenda:

Em Portugal, caso apresente sintomas de doença respiratória e tenha viajado de uma área afetada pelo novo coronavírus, as autoridades aconselham a que contacte a Saúde 24 (808 24 24 24). Caso se dirija a uma unidade de saúde deve informar de imediato o segurança ou o administrativo.
Evitar o contacto próximo com pessoas que sofram de infeções respiratórias agudas; evitar o contacto próximo com quem tem febre ou tosse;
Lavar frequentemente as mãos, especialmente após contacto direto com pessoas doentes, com detergente, sabão ou soluções à base de álcool;
Lavar as mãos sempre que se assoar, espirrar ou tossir;
Evitar o contacto direito com animais vivos em mercados de áreas afetadas por surtos;
Adotar medidas de etiqueta respiratória: tapar o nariz e boca quando espirrar ou tossir (com lenço de papel ou com o braço, nunca com as mãos; deitar o lenço de papel no lixo);
Evitar o consumo de produtos de animais crus, sobretudo carne e ovos;
Seguir as recomendações das autoridades de saúde do país onde se encontra.
O anúncio surge quando há 115 países com casos declarados da nova infeção que surgiu em Wuhan, na China. "Podemos esperar que o número de casos, mortes e países afetados aumente", afirmou o diretor-geral da OMS. A OMS justifica a declaração de pandemia com "níveis alarmantes de propagação e inação".


"Os países podem ainda mudar o curso desta pandemia se detetarem, testarem, tratarem, isolarem, rastrearem e mobilizarem as pessoas na resposta", ressalvou. O diretor-geral da OMS alertou que "pandemia não é uma palavra para se usar de ânimo leve ou de forma descuidada". "É uma palavra que, mal utilizada, pode causar medo irracional ou uma aceitação injustificada de que a luta acabou, levando a um sofrimento e morte desnecessários", comentou Tedros Adhanom Ghebreyesus.

"Declarar esta situação como uma pandemia não muda a avaliação da OMS sobre a ameaça que este coronavírus representa", frisou. "Não muda o que a OMS está a fazer e nem o que os países devem fazer", advertiu ainda.

Veja em baixo o mapa interativo com os casos de coronavírus COVID-19 em todo o mundo:

Se não conseguir ver o mapa desenvolvido pela Universidade Johns Hopkins, siga para este link.

A Itália é o caso mais grave depois da China, com mais de 12.000 infetados e pelo menos 827 mortos, o que levou o Governo a decretar a quarentena em todo o país.

O Governo português decidiu suspender todos os voos com destino ou origem nas zonas mais afetadas em Itália, recomendando também a suspensão de eventos em espaços abertos com mais de 5.000 pessoas. Ordenou também a suspensão temporária de visitas em hospitais, lares e estabelecimentos prisionais na região Norte, a mais afetada.

Foram também encerrados alguns estabelecimentos de ensino, sobretudo no Norte do país, assim como ginásios, bibliotecas, piscinas e cinemas. Os residentes nos concelhos de Felgueiras e Lousada, no distrito do Porto, foram aconselhados a evitar deslocações desnecessárias.

Um pouco por todo o país, centenas de eventos têm sido cancelados num esforço conjunto para travar a propagação do COVID-19.

Acompanhe aqui, ao minuto, todas as informações sobre o novo coronavírus em Portugal e no mundo.

Como se transmite um coronavírus?


Direitos  https://lifestyle.sapo.pt/saude/noticias-saude/artigos/covid-19-78-casos-confirmados
 

Offline Pantufas

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #11 em: 12/03/2020, 15:03 »
Covid-19: Duas turistas portuguesas entre três casos suspeitos em Cabo Verde
MadreMedia / Lusa
12 mar 2020 12:34

Covid-19: Matou saudades do amigo Sepúlveda em Portugal, mas diz estar "ótimo". Escritor Germano Almeida pondera escrever sobre a epidemia
Atualidade · 6 mar 2020 04:33


As autoridades cabo-verdianas estão a investigar três casos suspeitos do novo coronavírus no território, dos quais dois são turistas portugueses, anunciou hoje o diretor nacional de Saúde de Cabo Verde, Artur Correia.
Covid-19: Duas turistas portuguesas entre três casos suspeitos em Cabo Verde
ANTÓNIO COTRIM/LUSA



“O nosso sistema de vigilância acabou de identificar três casos suspeitos. Dois desses casos são aqui no concelho da Praia e referem-se a duas turistas provenientes de Portugal, da zona do Porto, uma com 32 anos e outra com 26 anos”, divulgou Artur Correia.

Um terceiro caso é um cidadão cabo-verdiano de 49 anos, na ilha de São Vicente, que chegou a Cabo Verde, proveniente de Roma, Itália, na terça-feira, também na terça-feira.


“Entraram no país assintomáticos”, afirmou o Diretor Nacional de Saúde de Cabo Verde.

Os três suspeitos estão em isolamento nos hospitais Agostinho Neto (Praia, ilha de Santiago) e Batista de Sousa (Mindelo, São Vicente), esclareceu.

Em conferência de imprensa, no Palácio do Governo, na cidade da Praia, o Diretor Nacional de Saúde esclareceu que os três casos estão em internamento desde quarta-feira.

No caso das duas portuguesas, as amostras recolhidas e enviadas para análise no Instituto Nacional de Saúde Pública Doutor Ricardo Jorge, em Lisboa, deverão apresentar resultados até à manhã de sexta-feira. As análises recolhidas ao caso suspeito na ilha de São Vicente devem seguir ainda hoje para Lisboa.

"As duas de Portugal vieram no domingo e só apresentaram sintomas antes de ontem [terça-feira] e comunicaram ontem [quarta-feira] às autoridades. E ontem mesmo foram transferidas para isolamento", disse ainda Artur Correia.


Fonte: https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/covid-19-duas-turistas-portuguesas-entre-tres-casos-suspeitos-em-cabo-verde
 

Offline Pantufas

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #12 em: 12/03/2020, 15:06 »
COVID-19: António Costa apela a que se evitem “espaços mais conviviais” como praias
N.N./Lusa
12 mar 2020 13:19

Saúde Doenças António Costa Vírus Coronavírus COVID-19

António Costa sobre COVID-19: "Devemos estar preparados para o pior cenário" e "evitar contactos sociais desnecessários"
O primeiro-ministro fez hoje um apelo a quem estuda ou trabalha em entidades que encerraram devido ao surto de Covid-19 para que evitem ir para “espaços mais conviviais”, como as praias, e ajudem a evitar “a difusão do vírus”.
COVID-19: António Costa apela a que se evitem “espaços mais conviviais” como praias
MÁRIO CRUZ/LUSA


Em declarações aos jornalistas na Residência Oficial de São Bento, em Lisboa, antes de começar a receber os partidos políticos, António Costa fez um apelo, um dia depois de terem sido divulgadas imagens, por exemplo, de praias cheias de gente nos arredores de Lisboa, nomeadamente jovens.

“A deslocalização do contacto do espaço educativo para outros espaços mais conviviais não resolve o fundo do problema, só deslocaliza os riscos. O apelo que faria é que todas as pessoas que estudam ou trabalham em entidades que tem sido encerradas compreendem que devem ter um esforço acrescido no seu esforço de contenção na sua circulação social”, disse.


Costa considerou ser preciso “procurar evitar essas situações de convívio” em grandes espaços e avisou: “Ninguém pense que não é pelo facto de não estar numa sala de aula e estar noutros locais de convívio que esse risco de contágio é menor.”

O primeiro-ministro insistiu na responsabilidade de todos na prevenção da difusão da doença e nas medidas que cada um deve adotar, como lavar as mãos, evitar mexer na cara.

António Costa interrompe Conselho de Ministros para ouvir partidos
À chegada à residência oficial de São Bento, cerca das 12:30, hora prevista para receber Rui Rio, presidente do PSD, Costa afirmou ser importante ouvir os líderes dos partidos com assento parlamentar, dado que este é um tema em que deveria existir um consenso. Depois das 20:00, afirmou, são retomados os trabalhos no Conselho de Ministros e serão anunciadas as medidas.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou a doença COVID-19 como pandemia, uma decisão que justificou com os "níveis alarmantes de propagação e de inação".


Fonte: https://lifestyle.sapo.pt/saude/noticias-saude/artigos/covid-19-antonio-costa-apela-a-que-se-evitem-espacos-mais-conviviais-como-praias
 

Offline Pantufas

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #13 em: 12/03/2020, 15:09 »
UEFA deverá anunciar adiamento do Europeu de futebol para 2021

Sportinforma
12 mar 2020 14:46
Euro 2020
uefa euro2020 euro-2020 Euro2021 coronavírus Covid-19 covid19
UEFA convoca reunião com intervenientes do futebol europeu...para 3.ª feira. Euro2020 em risco

Modalidades · 11 mar 2020 20:09

O organismo que rege o futebol europeu vai reunir, na próxima terça-feira.
UEFA deverá anunciar adiamento do Europeu de futebol para 2021


Aleksander Ceferin, presidente da UEFA EPA/MARTIAL TREZZINI
A UEFA deverá anunciar o adiamento do Europeu de futebol sénior masculino para 2021. O organismo que rege o futebol europeu vai reunir, na próxima terça-feira, com os representantes das suas 55 federações, num encontro que terá também a presença dos directores da Associação Europeia de Clubes e das Ligas Europeias, e de um representante da FIFPro.

De acordo com o jornal francês 'L´Equipe', da reunião sairá a decisão de adiar o Euro2020 por um ano, devido ao surto de Covid-19 que assola a Europa.


Fonte: https://desporto.sapo.pt/futebol/euro-2020/artigos/uefa-vai-adiar-europeu-de-futebol-para-2021
 

Online migel

Re: Tudo relacionado com o Coronavírus
« Responder #14 em: 12/03/2020, 20:23 »
Governo decreta encerramento de escolas a partir de segunda-feira



2020-03-12 19:51   
António Costa
A TVI sabe que o Governo vai decretar o encerramento de escolas a partir de segunda-feira devido à pandemia de Covid-19. Uma medida que o primeiro-ministro deve anunciar no Conselho de Ministros.

Ao longo desta quinta-feira, António Costa recebeu os líderes de todos os partidos políticos com representação parlamentar, com o objetivo de explicar as medidas que estão a ser colocadas em cima da mesa para fazer frente a pandemia em Portugal.

Há instantes, na conferência de imprensa conjunta entre a Direção-Geral de Saúde (DGS) e do Ministério da Saúde, Graça Freitas apelou a quem sentir febre, tosse ou dificuldades respiratórias que não vá trabalhar.


Com esta medida, do encerramento de escolas a partir de segunda-feira, o Governo decidiu ir mais longe que as recomendações feitas pelo Conselho Nacional de Saúde Pública.

Portugal tem neste momento 78 casos confirmados com o novo coronavírus. Há 637 casos suspeitos, dos quais 133 estão a aguardar resultados laboratoriais. Existem ainda 4.923 pessoas sob vigilância das autoridades de saúde.

TVI24
 

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Stannah Mobilidade S.A Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
       
Voltar ao topo