iacess

ergometrica

Ortopedia Moderna

Anuncie Aqui

mobilitec
Stannah Mobilidade S.A

Autopedico

Invacare

Pros Avos

Ortopediareal
myservice

Tecnomobile

TotalMobility

Multihortos

Drive Mobility

Autor Tópico: Estado não disponibiliza habitação social para doente paralisado  (Lida 64 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Online migel

Estado não disponibiliza habitação social para doente paralisado

Armando sofre de paralisia cerebral e precisa de cuidados 24 horas por dia.
Carla Marques Cordeiro|Ontem às 11:10

   

Armando Jorge Canas tem 38 anos e sofre de paralisia cerebral, estando confinado a uma cadeira de rodas, necessitando de cuidados 24 horas por dia.

A viver em Elvas, a família de Armando pediu uma habitação social há 3 anos – continua à espera.

Nos últimos três meses, Armando viveu na APPACDM de Elvas, depois de ter sido internado devido a problemas respiratórios.

"Entendemos que não estava em condições de regressar a casa. Conhecemos a casa onde vive e efetivamente não tem condições que lhe permitam ter uma saúde adequada", explica Ana Gaspar, assistente social da APPACDM.

A casa onde Armando reside com a mãe, Dília, de 69 anos, tem muita humidade, o que provoca problemas respiratórios ao homem, vítima de atropelamento quando tinha 9 anos, tendo ficado com sequelas para a vida.

A família pagava uma mensalidade à APPACDM, e como a situação financeira se agravou, Dília foi obrigada a levar o filho de volta para casa na semana passada.

Ao CM, a autarquia de Elvas, presidida por Nuno Mocinha (PS), diz que mesmo que o "dispusesse de um fogo livre e adequado às limitações de Armando Jorge, a sua continuidade na associação, de acordo com pareceres técnicos, é a mais adequada".

A APPACDM garante que não tem mais vagas e que a situação sempre foi temporária.

Fonte e video: https://www.cm-tv.pt/atualidade/detalhe/estado-nao-disponibiliza-habitacao-social-para-doente-paralisado?ref=HP_DestaquesPrincipais&fbclid=IwAR08jFEsuLfZ9-IO8mCMg_5D-vySQwbcZjwtBbdUumJPboPt-a1r3CUub34
 

Offline cristina

Boa tarde a todos.Realmente isto é uma tristeza,eu fico revoltada,mesmo que não queira,quando leio ou
vejo situacoes destas..É revoltante saber que cada cidadão,cada ser humano tem direito a uma habitação
independentemente se tem saude ou não, quanto mais numa situação destas de dôr e sofrimento para poder sobreviver.É cruel que os nossos governantes,estado,o que queirão chamar,tratem quem lhes dá a boa vida que têm como se fossem seres inanimados,coisas...até as coisas têm o seu valor! São /somos pessoas,caramba e é um direito que se tem, não iriam estar a dar nada! Enfim..nao desejo mal a ninguem
por que a vida trata de nos dar as devidas licoes quer queira-mos ou não..Espero que o senhor Armando e todos os Armandos deste pais comecem realmente a ter os seus direitos,porque no que toca a habitações,o que nao falta para ai sao casas fechadas a deteriorarem-se e muitas sabe-se la para quem vao..Desculpem o comentario,sou muito calma,mas ha coisas que realmente revoltam.
Uma excelente tarde para todos e muita luz.
 
Os seguintes membros Gostam desta publicação: Ana Santos

Online hyperrush

  • Utilizador
  • *
  • Mensagens: 60
  • Gostos: 64 veze(s)
  • A crise não existe, é só markting do Pingo Doce!
  • Tem deficiência: Sim
Só dão regalias a "belos".
 

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Stannah Mobilidade S.A Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
       
Voltar ao topo