iacess

ergometrica

Anuncie Aqui

Liftech

mobilitec
onlift

Autopedico

Invacare

TotalMobility

Rehapoint
myservice

Tecnomobile

Liftech

Multihortos

Anuncie Aqui

Autor Tópico: João Mota ajudou Portugal a chegar à elite do goalball europeu: Nos primeiros Europeus quase nem sta  (Lida 389 vezes)

0 Membros e 2 Visitantes estão a ver este tópico.

Online migel

 
Em entrevista, João Mota, atleta de 28 anos da seleção nacional de goalball, dá o seu testemunho após a conquista histórica da equipa portuguesa, que alcançou o ouro no Europeu B decorrido em Itália, subindo assim à primeira divisão da modalidade. Um feito que acompanha a evolução do goalball no nosso país
TOMÁS DELFIM 13.06.2024 ÀS 16H02

A seleção que garantiu o acesso à divisão A do goalball europeu. João Mota é o 2.º a contar da direita FRANCESCO DI LORENZO


O goalball chegou a território nacional em meados da década de 90, tempos antes mesmo de João Mota, atualmente atleta do Sporting Clube de Portugal, ter nascido. Contudo, não tardou que os caminhos dos dois se cruzassem. Foi em 2009 que teve início esta história. A história do atleta com o maior número de internacionalizações presente na conquista histórica do último fim de semana, a primeira subida de Portugal ao patamar mais alto do goalball europeu.

“Comecei a jogar na temporada 2009/2010 na ACAPO Lisboa e, desde essa altura, não deixei de jogar. Tinha 12 anos”, recorda. De corpo e alma. Foi desse modo que o então jovem João Mota se entregou à modalidade. De tal forma que não tardou até receber a sua primeira convocatória para a seleção. “O meu primeiro Europeu foi em 2013, em Inglaterra, que coincidiu com a nossa primeira subida da seleção, da divisão C para a B. Andámos muitos anos a fazer C e B, B e C, nós caímos e subimos três vezes no total”, descreve.

Algum dia o cenário teria que mudar. Treinadores iam e vinham, os atletas renovavam-se, mas a missão sempre foi constante: conseguir uma primeira manutenção na divisão B. “Foi em 2018, na Polónia, onde finalmente conseguimos a nossa primeira manutenção no B. Ficámos em quinto lugar. Dois anos depois, fizemos novamente quinto lugar na Finlândia, e, também dois anos depois, em 2022, voltámos a fazer outro quinto lugar no Europeu em Matosinhos”



Continue a lêr  https://tribuna.expresso.pt/entrevistas-tribuna/2024-06-13-joao-mota-ajudou-portugal-a-chegar-a-elite-do-goalball-europeu-nos-primeiros-europeus-quase-nem-staff-tinhamos-22de45ef
 

 



Anuncie Connosco Anuncie Connosco Anuncie Connosco Anuncie Connosco Anuncie Connosco


  •   Política de Privacidade   •   Regras   •   Fale Connosco   •  
     
Voltar ao topo